Mais do que você gosta.

Publicidade

Atrás das grades

Inventando Anna: Golpista da vida real volta à prisão; veja por que

Julia Garner interpreta a criminosa Anna Sorokin na produção de Shonda Rhimes na Netflix

Publicado por Alexandre Guglielmelli

14/02/2022 20:00

Um dos maiores sucessos de 2022 da Netflix, Inventando Anna traz Julia Garner como Anna Delvey – ou Sorokin – uma golpista que conseguiu enganar a elite de Nova York ao fingir ser uma herdeira alemã milionária. A criminosa chegou a ser presa pelos golpes, mas não demorou para ser libertada. Em 2021, ela retornou à cadeia, mas desta vez, por um motivo bem diferente.

“Empreendedora audaciosa ou golpista? Uma jornalista conta a história de Anna Delvey, que convenceu a elite de Nova York de que era uma herdeira alemã”, afirma a sinopse de Inventando Anna na Netflix.

Continua depois da publicidade

Além de Julia Garner como Anna, a série de Shonda Rhimes tem um impressionante elenco de estrelas, com atores como Arian Moayed (Succession), Anna Chlumsky (Veep) e Laverne Cox (Orange is the New Black).

O site Insider revelou tudo sobre o retorno de Anna Delvey à cadeia; confira abaixo.

Por que a golpista de Inventando Anna voltou à cadeia em 2021?

Em abril de 2019, Anna Sorokin foi condenada a uma pena de 4 a 12 anos de prisão, além do pagamento de restituição no valor de 199 mil dólares e multa de 24 mil dólares.

Após uma entrevista bastante ousada ao The New York Times, publicada logo após sua condenação, Sorokin mudou o tom.

Ela conseguiu liberdade condicional após uma apelação no Estado de Nova York, e por isso, foi libertada da Penitenciária de Albion em fevereiro de 2021.

Ao todo, Anna Sorokin ficou cerca de três anos e meio por trás das grades, tanto em Albion quanto na famosa Cadeia da Ilha de Rikers.

Quando Anna ainda estava na cadeia, recebeu um pagamento de 320 mil dólares da Netflix, pelos direitos de adaptação de sua história.

No entanto, a golpista foi obrigada a usar a maior parte desse pagamento para custear a restituição judicial, a multa e os honorários de advogados.

Após garantir sua liberdade condicional em fevereiro de 2021, Anna Delvey demorou pouco mais de um mês para ser presa novamente – mas desta vez, pelo Departamento de Imigração dos Estados Unidos (ICE).

Como o visto de Anna Sorokin expirou em setembro de 2020, o ICE cumpriu sua promessa e prendeu a golpista em março de 2021.

Anna foi levada a uma unidade de detenção no estado de Nova Jérsei, antes de ser “hospedada” na Cadeia de Orange County, em New York, onde permanece até hoje.

Em 2022, Anna Sorokin aguarda sua deportação para a Alemanha, que ainda não tem data para acontecer. A criminosa chegou a contrair Covid-19 por trás das grades.

Nos últimos meses, Sorokin também escreveu um artigo para o site Insider, no qual fala sobre a série da Netflix e sobre sua vida na cadeia.

“Depois de quatro anos de visitas e horas de conversas no telefone, a série sobre a minha história é contada sob a perspectiva de uma jornalista”, criticou Anna.

Inventando Anna está disponível na Netflix.

Publicidade