Mais do que você gosta.

Publicidade

No detalhe

La Casa de Papel dá dois nomes para personagem e confunde fãs

Espectadores da Netflix notam que série já deu dois nomes para o mesmo protagonista

Publicado por Bruno Tomé

30/11/2021 17:00

Os fãs de La Casa de Papel notaram que Helsinki, amado personagem, ganhou dois nomes reais na Netflix. Com isso, espectadores ficaram confusos sobre a identidade do assaltante.

Na primeira temporada, Helsinki é apresentado ao lado de Oslo, que é morto ainda no primeiro assalto. Ainda no roubo na Casa da Moeda, as identidades deles são contadas: Yashin Dasaiév e Dimitri Mostovói.

Continua depois da publicidade

Mas, após a morte de Oslo, outro nome aparece no caixão dele, que é o de Radko Dragic. Enquanto isso, no Banco da Espanha, Palermo chama Helsinki por Mirko Dragic.

Parece que os dois últimos nomes sãos definitivos. Mas, como mostrado no Reddit, os primeiros nomes apresentados em La Casa de Papel deixaram os espectadores confusos.

Alguns pensam que a série da Netflix pode apresentar a origem de Helsinki e Oslo, explicando essa mudança. Já outros acham que foi um erro de continuidade.

La Casa de Papel chega com capítulos finais na Netflix

O fim de La Casa de Papel promete mais do que respostas a mistérios. A série termina com uma verdadeira guerra na Netflix.

“Já faz mais de 100 horas que a missão no Banco da Espanha começou. O grupo de assaltantes conseguiu resgatar Lisboa, mas não há motivos para comemorar — muito pelo contrário: o momento é de tensão e luto. O Professor foi capturado por Sierra e, pela primeira vez em sua vida, ele não tem um plano de fuga.

Quando parecia que a situação não tinha como piorar, aparece um inimigo muito mais poderoso do que qualquer outro já enfrentado: o exército. O maior roubo da história está chegando ao fim — e aquilo que começou como um assalto está prestes a se transformar em guerra”, diz a sinopse da última temporada.

A parte um da quinta temporada de La Casa de Papel está disponível. A parte final chega em 3 de dezembro na Netflix.

Publicidade