Mais do que você gosta.

Publicidade

Defeito

O melhor episódio de The Witcher revela o maior problema da série

Série da Netflix com Henry Cavill precisa melhorar

Publicado por Guilherme Coral

20/01/2022 18:42

A primeira temporada de The Witcher apresentou um grande problema ao ser dividida em diversas linhas temporais distintas. Isso foi embora, mas a série da Netflix continua com um defeito evidente.

Esse problema fica bastante claro se compararmos os outros episódios da segunda temporada ao primeiro dela.

Continua depois da publicidade

Essencialmente, o capítulo inaugural do segundo ano é um conto adaptado, com início, meio e fim, o que permite que nos importemos com os personagens mostrados.

Já os episódios que vem depois desse mostram diversas outras histórias, dividindo a narrativa e nenhuma delas chega a ser encerrada apropriadamente. Os episódios são abertos e não funcionam como obras que podem ser aproveitadas isoladamente.

É necessário assistir tudo e ainda assim o fim da temporada não dá uma sensação de conclusão (não definitiva, claro, já que há outras temporadas). Não há recompensa ao espectador ao fim dessa leva de episódios.

Por essa razão, o primeiro capítulo da segunda temporada de The Witcher facilmente é o melhor da temporada.

Estrelada por Henry Cavill, The Witcher tem duas temporadas na Netflix

A luta para salvar o Continente continua na segunda temporada de The Witcher. Agora, o Geralt de Henry Cavill aceitou o seu destino e cuida de Ciri.

No elenco, além do astro, Freya Allan e Anya Chalotra retornam nos papéis de Ciri e Yennefer. Uma importante aparição na segunda temporada é o mentor de Geralt, Vesemir, que é interpretado por Kim Bodnia.

“Convencido da morte de Yennefer na Batalha de Sodden, Geralt de Rívia leva a Princesa Cirilla ao lugar mais seguro que conhece: Kaer Morhen, onde passou a infância. Mas, enquanto os reis, elfos, humanos e demônios lutam pela supremacia fora das muralhas do Continente, a garota enfrenta um perigo muito maior: seu próprio poder”, diz a descrição da segunda temporada.

Baseada nos livros best-sellers de fantasia, The Witcher é uma saga épica sobre família e destino. É a história de três pessoas com caminhos interligados no vasto mundo Continente, onde humanos, elfos, bruxos, gnomos e monstros lutam para sobreviver e prosperar, e onde o bem e o mal não são tão fáceis de identificar.

The Witcher conta com duas temporadas na Netflix.

Publicidade