Mais do que você gosta.

Publicidade

Queremos

Sandman mal estreou na Netflix e já pode ganhar série derivada

Johanna Constantine se destacou na primeira temporada

Publicado por Guilherme Coral

06/08/2022 13:18

A série Sandman da Netflix, como qualquer outra adaptação, faz mudanças em certos aspectos do material original. Uma das mais notáveis é a troca de John Constantine por Johanna Constantine. Agora, parece que ela pode ganhar uma série derivada.

Johanna também existe nos quadrinhos originais, mas como antepassada de John. Já na série, John não existe, tendo sido trocado pela versão feminina vivida por Jenna Coleman, inclusive no presente.

Continua depois da publicidade

John Constantine apareceu pela primeira vez na aclamada série Monstro do Pântano de Alan Moore na edição #37, mas rapidamente se tornou popular o suficiente para ganhar sua própria HQ.

O personagem fez várias aparições na tela, primeiro interpretado por Keanu Reeves no filme Constantine de 2005, e mais tarde por Matt Ryan em uma série de curta duração como parte do Arrowverso. 

Enquanto o personagem desempenha um papel crítico nos quadrinhos de Sandman, de Neil Gaiman, vários fatores levaram John Constantine a se tornar Johanna Constantine para a adaptação da Netflix.

Série sobre Johanna Constantine

Johanna Constantine já aparece mais tarde na série de quadrinhos, então foi tomada a decisão de que uma atriz retrataria tanto a ancestral quanto a descendente que conhece Sonho (Tom Sturridge) .

“Dado que realmente não havia muitas mulheres no começo, a ideia de que poderíamos encontrar uma pessoa e fazer com que elas fizessem as duas coisas parecia legal e direta”, disse Gaiman ao /Film  enquanto discutia como a personagem é retratada na série.

Com Jenna Coleman como Johanna, fãs e críticos têm se perguntado se Johanna Constantine poderia ter seu próprio spin-off, visto que ela se destacou no papel.

No Twitter, um fã de Sandman,  disse para Neil Gaiman:

“Eu acho que seria legal ter um programa de Johanna Constantine na Netflix”.

Não demorou muito para Neil Gaiman responder: “Você não está sozinho neste pensamento”.

Assim sendo, caso Sandman faça sucesso na Netflix (o que parece ser o caso, mas ainda é cedo para dizer), pode ser que a personagem acabe ganhando uma série derivada no futuro.

Sandman já está disponível na Netflix.

Sobre o autor

Guilherme Coral

Guilherme Coral

Refugiado de uma galáxia muito muito distante, caí neste planeta do setor 2814 por engano. Fui levado, graças à paixão por filmes e séries, ao curso de Cinema e Audiovisual e atualmente me aventuro pela faculdade de Jornalismo.

Publicidade