Mais do que você gosta.

Publicidade

Polêmica

The Crown magoou Príncipe Philip e Netflix recebe pedido

Cena da série foi considerada "chocantemente maliciosa"

Publicado por Victor Carvalho

15/04/2021 15:00

Embora os personagens de The Crown sejam pessoas que existem ou já existiram, a série é uma produção fictícia.

Ainda assim, a série constantemente se envolve em polêmica por sua abordagem da família real britânica. Um dos retratos mais controversos de The Crown é o do Príncipe Philip, que faleceu na vida real recentemente.

Continua depois da publicidade

Agora, graças a um episódio da série, a Netflix recebeu um pedido para que se desculpe por uma cena “chocantemente maliciosa”.

A cena vem em um episódio da segunda temporada de The Crown. São mostrados flashbacks da morte da irmã do Príncipe Philip, a Princesa Cecília da Grécia e Dinamarca.

Ela morreu aos 26 anos em um acidente de avião, com seu marido, sogra, dois filhos e bebê em gestação.

Uma cena de The Crown dá a entender que Philip foi o responsável pela morte da irmã, já que Cecília estava no avião porque ele foi proibido de visitá-la na Alemanha devido ao seu comportamento na escola. Ele tinha 16 anos na época.

De acordo com a especialista real Sally Bedell Smith, o Príncipe Philip ficou muito magoado com essa cena.

Pedido ao serviço de streaming

Ela comentou ao Daily Mail: “Philip não teve nada a ver com a morte da irmã. Cecília morreu em um acidente aéreo, mas essa é a única coisa que era verdade.”

“Todo o resto foi inventado de uma forma chocantemente maliciosa.”

“A história toda sobre Cecília, que ele descobriu, foi terrivelmente perturbadora para ele. A Netflix deve se desculpar enfaticamente e acho que uma isenção de responsabilidade é necessária mais do que nunca.”

“Agora que ele se foi, o que eles fizeram à sua reputação está ainda mais nítido.”

A Netflix ainda não respondeu ao pedido. O Príncipe Philip voltará a aparecer nas próximas temporadas de The Crown, sendo agora retratado por Jonathan Pryce.

The Crown está agora disponível na Netflix.

Publicidade