Mais do que você gosta.

Publicidade

Reviravolta

The Witcher: Netflix cortou história perturbadora do pai de Ciri

Série com Henry Cavill ainda não mostra todos os detalhes do misterioso personagem

Publicado por Redação

14/05/2022 21:30

Alerta de spoilers a seguir!

A grande revelação da segunda temporada de The Witcher é o pai de Ciri. Duny ainda está vivo na série de Henry Cavill e ressurge como Emhyr, o imperador de Nilfgaard na Netflix.

A reviravolta é a mesma que acontece nos livros que o seriado usa. Dessa forma, vale o aviso aqui que o texto contém spoilers dos livros de The Witcher e de um possível futuro do seriado da Netflix.

Até a segunda temporada, The Witcher não mostra tudo sobre Emhyr. Os fãs achavam que Duny, como ele fica conhecido, estava morto.

Quando Duny vira o príncipe de Cintra, The Witcher não deixa claro um ponto. Ele era um herdeiro do trono de Nilfgaard. Emhyr é filho do Rei Fergus, que foi tirado da posição na adolescência do filho.

Como parte do golpe, Emhyr foi afetado com o feitiço que o deixou com a aparência animal durante o dia, se tornando um humano apenas de noite.

Após a maldição, Duny se conecta com Cintra ao salvar o Rei Roegner em uma floresta. Como pagamento, ele recebe a Lei da Surpresa, que vira o casamento com Pavetta – nos livros, o personagem não ama de verdade a princesa, apesar de ser feliz com o casório.

Essa união quebra a maldição de Duny e ainda o faz um príncipe em Cintra. Porém, o personagem é manipulado pelo mago Vilgefortz, com a promessa de que pode ter de volta o trono de Nilfgaard e um destino único.

Motivação perturbadora em The Witcher

Com a promessa do mago, Duny convence Pavetta a fugir de Cintra com Ciri. O objetivo dele, ao menos inicialmente, é proteger a família daqueles que querem que a profecia de Ithlinne, que possui muitas interpretações, não se torne realidade.

É por isso que Vilgefortz pensava em forjar a morte dos três. Porém, os objetivos de Emhyr não eram os mais puros, como Pavetta descobre, tirando Ciri do barco.

Se a Netflix repetir a trama, The Witcher mostra que Pavetta e Duny lutam no barco, com a princesa caindo para morte. Com isso, ele volta sozinho para Nilfgaard onde começa uma revolução e recupera o trono da família.

O seriado ainda não revela quais são as motivações de Emhyr – que possivelmente devem ser modificadas. Nos livros, elas se tornam absurdas e perturbadoras.

Na história original de The Witcher, o rei de Nilfgaard quer capturar Ciri para engravidá-la, independente de ser o pai da princesa.

Essa motivação se dá pela interpretação que Emhyr tira da profecia, a partir da manipulação de Vilgefortz. O rei acha que o bebê de Ciri é quem comandará o mundo a partir da lenda, enquanto outros acham que a princesa já é essa escolhida.

Resta saber se a série da Netflix com Henry Cavill vai procurar mudar essa trama, pelo tom perturbador, ou se vai continuar com ela.

“Convencido da morte de Yennefer na Batalha de Sodden, Geralt de Rívia leva a Princesa Cirilla ao lugar mais seguro que conhece: Kaer Morhen, onde passou a infância. Mas, enquanto os reis, elfos, humanos e demônios lutam pela supremacia fora das muralhas do Continente, a garota enfrenta um perigo muito maior: seu próprio poder”, diz a descrição da segunda temporada.

Baseada nos livros best-sellers de fantasia, The Witcher é uma saga épica sobre família e destino. É a história de três pessoas com caminhos interligados no vasto mundo Continente, onde humanos, elfos, bruxos, gnomos e monstros lutam para sobreviver e prosperar, e onde o bem e o mal não são tão fáceis de identificar.

The Witcher conta com duas temporadas na Netflix. A terceira já começou a ser filmada e ainda não tem previsão de estreia.

Publicidade