Mais do que você gosta.

Publicidade

Muitas semelhanças

Vilão de Stranger Things 4 é inspirado em icônico personagem da DC

Watchmen e a série da Netflix têm mais em comum do que se pensa

Publicado por Redação

28/06/2022 10:26

Alerta de spoilers

A quarta temporada de Stranger Things apresenta o vilão Vecna à história. O que nem todos podem perceber imediatamente é que ele claramente foi inspirado no Doutor Manhattan, ao menos em alguns importantes pontos.

Vecna ​, também conhecido como Henry Creel, tem paralelos estranhos com o Dr. Manhattan de Watchmen, como aponta o ScreenRant.

Continua depois da publicidade

A série da Netflix sempre foi bastante aberta sobre sua tendência em se inspirar em quadrinhos de super-heróis. O primeiro episódio mostrou Will e Dustin correrem muito similar ao que vemos em Uncanny X-Men #134, enquanto Eleven é conceitualmente muito semelhante à Jean Grey dos X-Men.

Vecna, o vilão da quarta temporada de Stranger Things, não tem um paralelo direto. Mas os espectadores atentos notaram um detalhe curioso que parecia apontar para outra franquia de super-heróis: Watchmen de Alan Moore.

As visões de Vecna ​​geralmente incluem uma imagem assombrosa de um relógio de pêndulo, e ele parece estranhamente – e, até agora, inexplicavelmente – obcecado com a passagem do tempo.

Em Watchmen, o tique-taque de um relógio está fortemente associado ao Dr. Manhattan. Isso está ligado à história de origem do Doutor Manhattan, quando ele acidentalmente deixou seu relógio de pulso para trás em um laboratório e ficou preso no experimento quando foi recuperá-lo.

Mas os acenos para o Doutor Manhattan não são apenas easter eggs no volume 1 da quarta temporada de Stranger Things. Eles desempenham um papel importante na história, com o programa deliberadamente estabelecendo paralelos entre o personagem e Vecna.

Stranger Things se inspira em Watchmen

A história de Vecna ​​é revelada no episódio 7 da quarta temporada de Stranger Things.

Vecna é na verdade Henry Creel, nascido com poderes psíquicos aparentemente naturais de telepatia, telecinese e ilusões. Ele se tornou o “Número Um” do Dr. Brenner, com o programa MK Ultra do governo dos EUA trabalhando para replicar os poderes de Creel, quando perceberam que ele não era confiável.

Os poderes do Número Um foram inibidos por alguns anos, até que Onze involuntariamente o libertou.

Ele entrou em uma fúria sangrenta pelo Laboratório Hawkins, matando as outras crianças até que ele e Eleven se enfrentaram em um duelo telecinético, que ela acabou vencendo.

Esse conflito rasgou o tecido da própria realidade, e Número Um foi explodido no Mundo Invertido, seu corpo devastado pelas energias multiversais às quais ele foi exposto.

Curiosamente, as cenas deliberadamente são paralelas à história de origem de flashback do Doutor Manhattan na adaptação de Watchmen de Zack Snyder em 2009.

As duas sequências contam com a mesma música, mostrando que isso é intencional e não acidental. Ambos os personagens são apresentados no ano de 1959 – esse é o ano em que Creel e sua família se mudam para Hawkins, e é o mesmo ano em que o Doutor Manhattan ganha seus poderes.

O Doutor Manhattan decora sua testa com o símbolo do hidrogênio, que tem a massa atômica de um. E ambos os flashbacks terminam com seus personagens centrais expostos a relâmpagos que os transformam fisicamente.

Tanto Vecna ​​quanto o Doutor Manhattan são essencialmente excluídos da sociedade, que percebem a realidade de uma maneira diferente de qualquer outro ser humano.

O Doutor Manhattan se considera um prisioneiro do tempo, porque pode perceber tudo, mas não pode mudá-lo. Em contraste, Vecna ​​parece estar preso no Mundo Invertido, contido em um reino onde o tempo está fora de sincronia e a realidade está congelada em 1983.

Ele aprende a usar sua mente para sondar o mundo real e usa os mesmos “emaranhados” para distorcer e quebrar as mentes dos adolescentes que vivem em Hawkins, matando-os e usando seu sofrimento para abrir portões. Vecna ​​é um espelho sombrio do Doutor Manhattan.

Stranger Things 4, volume dois, chega à Netflix em 1º de julho e tudo indica que será um desfecho trágico de temporada.

Sobre o autor

Publicidade