Com Hellboy ganhando um reboot com David Harbour (Stranger Things), muitos fãs ainda lamentam que o cineasta Guillermo Del Toro não tenha completado sua trilogia com o personagem.

Em um evento do Collider onde Ron Perlman, que interpretou Hellboy nos dois filmes, falou brevemente sobre seu ressentimento em não ter feito o último filme do personagem.

“Eu senti que nós devíamos um encerramento aos fãs, e havia muitas pessoas indo em muitas outras direções e eu simplesmente não consegui fazer. Então se você me perguntar, eu diria que é uma ferida aberta”, confessa o ator.


“Eu nunca achei que iria pra frente, mas eu sabia que Guillermo tinha uma ideia espetacular sobre como fechar a trilogia. Era cinematograficamente tão dinâmico. Se você era um fã dos dois primeiros Hellboys, não apenas explodiria sua cabeça pela forma como seria resolvido, mas você teria a recompensa depois desse investimento, porque sempre foi pensado como uma trilogia”, diz Perlman.

Hellboy | Reboot é um filme de terror, não de super-heróis, diz David Harbour

Dirigido por Neil Marshall (Game of Thrones), o reboot trará novamente a história de Hellboy, o filho de demônios que escapa do inferno para se tornar um herói após ser criado pelo benevolente Professor Bruttenholm. A vilã da vez será a feiticeira Nimue, conhecida como a Rainha de Sangue.

Alice Monaghan é o interesse romântico da vez e o Major Ben Daimio, um valioso aliado do herói. O elenco ainda conta com Penelope Mitchell, que será Ganeida, uma poderosa feiticeira.

A estreia de Hellboy está marcada para 11 de janeiro de 2019.