Mogli: Entre Dois Mundos | Filme de Andy Serkis e Netflix divide crítica norte-americana

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Mogli: Entre Dois Mundos teve uma exibição especial para a crítica e a imprensa nos últimos dias e as reações foram divididas.

Até o momento, o longa conta com uma aprovação de apenas 42% no Rotten Tomatoes. Confira alguns comentários dos críticos abaixo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Hollywood Reporter: “Esta mais sombria e vaga reimaginação do clássico não consegue suprir necessidades básicas… Andy Serkis pode ter pretendido oferecer uma versão mais sombria e áspera das histórias clássicas de Kipling, mas o resultado final prova ser uma confusão obscura.”

IndieWire: “Impulsionado pelo trabalho de captura de movimento muitas vezes impressionante, o ambicioso Mogli: Entre Dois Mundos oferece uma visão mais dramática sobre a história de Kipling do que foi colocado nos cinemas para um público infantil. O resultado cai em um estranho território intermediário – não totalmente atraente para crianças nem para adultos, enquanto os personagens principais são ou efeitos especiais talentosos ou tristemente renderizados.”

The Guardian: “Confusa e entediante, esta adaptação feita pela Warner Bros. e pela Netflix é uma versão mais sombria e incômoda dirigida por Andy Serkis, o mestre da captura de movimentos. Então, retornamos ao misterioso vale do surto de animações ultra-realistas. Não há músicas agora, e não é muito divertido.”

IGN: “Mogli: Entre Dois Mundos, de Andy Serkis, é uma adaptação relativamente sem alegria de O Livro da Selva. É intelectualmente intrigante e bem representada, mas os efeitos visuais inconsistentes minam a suspensão necessária da descrença quando se trata de misturar seres humanos com animais falantes de CG em uma adaptação séria e sombria do clássico de Kipling.”

Polygon: “Entre ser ou não ser um bom filme, não está claro de qual lado está Mogli: Entre Dois Mundos. Não é muito bom para as crianças e um pouco mal preparado para atrair os adultos.”

O filme marca a estreia de Andy Serkis como diretor, ao passo que ele também irá dublar o urso Baloo. O longa conta com grande produção de efeitos especiais.

Mogli: O Livro da Selva | Versão sombria de Andy Serkis é comprada pela Netflix e estreia é adiada

O elenco é recheado de nomes famosos, contando com Benedict Cumberbatch, Cate Blanchett, Christian Bale, Matthew Rhys, Naomie Harris, Freida Pinto e Jack Reynor.

Na trama, como de costume, conheceremos o órfão humano que é deixado na selva e criado por uma matilha de lobos, tendo uma pantera e um urso como “padrinhos” e amigos. O tigre Shere Khan faz o papel do vilão novamente. Essa versão promete ser mais mais sombria que outras.

Mogli: Entre Dois Mundos chega no dia 7 de dezembro na Netflix.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio