Embora a diversidade étnica da edição de 2019 do Globo de Ouro tenha aumentado, ainda falta muito para se chegar à igualdade em relação aos gêneros. Assim como no ano passado, nenhuma mulher foi indicada para a categoria de Melhor Diretor.

Nasce Uma Estrela | Lady Gaga vai concorrer ao prêmio de Melhor Atriz no Globo de Ouro

Durante a edição de 2018 da premiação, Natalie Portman causou polêmica ao apresentar a Categoria de Melhor diretor, ressaltando que todos os indicados eram homens.


De lá para cá, nada mudou. Nesse ano, concorrem à categoria Bradley Cooper (Nasce Uma Estrela), Spike Lee (Infiltrado na Klan), Alfonso Cuarón (Roma), Adam McKay (Vice) e Peter Farrelly (Green Book: O Guia).

Diretoras apontadas como favoritas foram esnobadas pela premiação. Entre elas, Marielle Heller (Poderia me Perdoar?), Karyn Kusama (O Peso do Passado), Josie Rourke (Duas Rainhas) e Chloé Zhao (Domando o Destino).

Durante toda a história do Globo de Ouro, apenas uma mulher ganhou a categoria de Melhor Diretor. O prêmio foi recebido por Barbra Streisand, em 1983, por seu trabalho em Yentl. Desde então, só foram indicadas para a categoria Jane Campion (O Piano, 1993), Sofia Coppola (Encontros e Desencontros, 2003), Kathryn Bigelow (Guerra ao Terror e Zero Dark Thirty) e Ava DuVernay (Selma, 2014).

A celebração do Globo de Ouro vai ao ar em 6 de janeiro. Os apresentadores da edição de 2019 são Andy Samberg e Sandra Oh.