Leaving Neverland | Documentário sobre abusos de Michael Jackson é aplaudido de pé no Festival de Sundance

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O documentário Leaving Neverland, sobre os supostos abusos sexuais cometidos por Michael Jackson, teve uma recepção calorosa em sua primeira exibição no Festival de Sundance nesta sexta-feira (25).

Após a exibição, o documentário foi aplaudido de pé pelos críticos e convidados, e foi ainda mais exacerbado quando Wade Robson e James Safechuck subiram ao palco.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Eu não sinto que há nada que eu precisa dizer, exceto que eu entendo que é difícil para eles acreditarem. Ainda que isso tenha acontecido comigo, eu não conseguia acreditar e eu não conseguia acreditar que o que Michael fez foi uma coisa ruim, então eu entendo. Nós só conseguimos entender e aceitar algo quando estamos prontos”, disse Robson para o público.

Polícia teme protestos e confusão na exibição do documentário de Michael Jackson em Sundance

Leaving Neverland será transmitido pela HBO na primavera desse ano.

A sinopse do documentário diz: “No auge de seu estrelato, Michael Jackson começou relacionamentos duradouros com dois garotos de 7 e 10 anos e suas famílias. Agora com 30 anos, eles contam a história de como foram abusados ​​sexualmente por Jackson e como chegaram a um acordo para ficarem calados anos depois.”

O documentário traz entrevistas com James Safechuck e Wade Robson, que alegam ter sido molestados por Michael Jackson quando ainda eram crianças.

Ações judiciais movidas por Robson e Safechuck contra Jackson foram rejeitadas por um juiz em Los Angeles em 2017.

O Festival Sundance de Cinema acontece em Park City, em Utah, a partir de 24 de janeiro.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio