Vingadores: Ultimato pode não reverter estalo de Thanos, indica roteirista

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Vingadores: Ultimato é o capítulo final de uma saga da Marvel que começou em 2008. Porém, o filme pode não fazer o que os fãs esperam.

As palavras são de Christopher Markus, co-roteirista do filme. Em entrevista à Empire, o escritor deu a dica de que o longa pode não recuperar totalmente o universo Marvel dos cinemas.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Nós estamos em um território diferente agora, possivelmente onde ninguém esteve em termos de uma série no cinema. O MCU continua existindo. O que acontece é que esse universo é fluido e envolvem coisas onde tudo está conectado e nada pode ser reiniciado. Todas partes tem que funcionar juntas. As coisas continuam, mas como a vida, as perdas são reais e as mudanças também”, declarou Markus.

Vingadores: Guerra Infinita | Kevin Feige não se arrependeu em matar os super-heróis no filme

A parte de que “as perdas são reais” deve incomodar os fãs da Marvel por um longo tempo. O co-roteirista avisa que tudo pode acontecer no longa.

Vingadores 4 não faz o que você espera. É um filme diferente do que você imagina. As mortes são reais. Eu apenas quero dizer que são reais, porque mais cedo que você aceitar, mais cedo você pode partir para o próximo estágio do luto”, afirmou o escritor.

O elenco confirmado de Ultimato inclui Robert Downey Jr, Chris Evans, Chris Hemsworth, Scarlett Johansson, Jeremy Renner, Mark Ruffalo, Paul Rudd, Don Cheadle, Tessa Thompson, Bradley Cooper, Brie Larson, Danai Gurira, Karen Gillan e Josh Brolin.

Anthony e Joe Russo (Vingadores: Guerra Infinita) retornam para a direção do novo filme.

Vingadores: Ultimato estreia no dia 25 de abril nos cinemas brasileiros.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio