7 motivos para se empolgar com o novo filme do Coringa

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

À primeira vista, contar a origem de um dos maiores vilões de todos os tempos não é uma boa ideia.

Porém, o filme batizado de Coringa que o diretor Todd Phillips vai dirigir com o ator Joaquin Phoenix promete ser algo diferente, e cada nova notícia traz algo diferente para se ficar empolgado. Separamos aqui todas as razões para se ficar de olho no novo filme da DC.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Coringa | Ator de GLOW, Marc Maron, confirma entrada no elenco

JOAQUIN PHOENIX PROMETE SER UM ÓTIMO CORINGA

Dentre os atores e atrizes trabalhando nos EUA atualmente, não é exagero dizer que Joaquin Phoenix é um dos mais talentosos. Muito seletivo com seus papéis, o ator indicado ao Oscar tem tudo para entregar um retrato memorável do Palhaço do Crime, especialmente após os fãs ficarem decepcionados com o Coringa de Jared Leto.

TODD PHILLIPS É UM BOM DIRETOR

Ainda que a ideia de ter o diretor de Se Beber, Não Case! por trás das câmeras soe estranha para alguns, Todd Phillips é um excelente diretor. Mesmo nos filmes mais fracos, como é o caso das continuações da trilogia de bebederias em Las Vegas, vemos o apuro estético e a condução acima da média do diretor. Ele até emulou bem o estilo de Martin Scorsese com Cães de Guerra, e sua intenção de fazer um filme de máfia com o Coringa é uma ótima abordagem.

O ELENCO COADJUVANTE É INCRÍVEL

A escolha de Phoenix no papel principal já é animadora, e definitivamente deve ter atraído o interesse de outros profissionais da indústria. O veterano Robert De Niro pode se juntar ao filme para interpretar um entrevistador de TV que será crucial para a transformação do protagonista no vilão, enquanto a talentosa Zazie Beetz (de Deadpool 2) viverá um possível interesse amoroso para o Coringa.

O FILME SERÁ SEPARADO DO RESTO DO UNIVERSO DC

Um dos maiores problemas na atual produção de filmes de quadrinhos é a necessidade de querer amarrar todos os filmes e entregar histórias incompletas. Não será o caso de Coringa, que não terá conexão com Batman vs Superman ou a versão de Jared Leto em Esquadrão Suicida, soando como algo mais experimental e próximo de um filme completo. Isso vai garantir uma liberdade que a maioria dos filmes de quadrinhos simplesmente não têm.

SERÁ UM FILME MAIS ADULTO

O fato de ser separado da cronologia também permite que Coringa seja um filme para adultos. Será o primeiro longa-metragem da nova fase da DC a pegar uma censura para maiores de 17 anos, mirando o filme em um público mais maduro. É a oportunidade de vermos um Coringa muito mais violento e dramático do que suas aparições anteriores no cinema, e mostra que a Warner segue o exemplo da Fox com Deadpool e Logan.

A HISTÓRIA SERÁ BASEADA EM A PIADA MORTAL

Quando se fala da origem do Coringa, ninguém fez melhor do que Alan Moore na obra-prima A Piada Mortal. Ainda que não confirmado com todas as palavras, a história deve ser a fonte de inspiração para Phillips e o roteirista Scott Silver, que devem contar a história do Capuz Vermelho e retratar o Coringa como um comediante fracassado.

Dirigido por Todd Phillips e com roteiro de Scott Silver (O Vencedor), as filmagens do filme vão começar em Nova York no próximo mês.

Coringa estreia nos cinemas em 4 de outubro de 2019.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio