Mais do que você gosta.

Publicidade

Polêmica

Os Simpsons irrita cantor famoso e empresário dispara

Agente de Morrissey afirma que desenho perde a qualidade após representação do músico

Publicado por Bruno Tomé

20/04/2021 09:04

Os Simpsons volta a causar polêmica. Dessa vez, com o famoso cantor Morrissey em episódio da 32ª temporada.

No capítulo Panic in the Streets of Springfield, o desenho parece usar o britânico como sátira. Uma versão dele é apresentada com o personagem Quilloughby, um músico imaginário dos anos 1980 que Lisa se apaixona.

Continua depois da publicidade

Em momentos do desenho, Os Simpsons faz algumas acusações contra o personagem. Entre elas, sobre racismo.

Na vida real, Morrissey tem declarações controversas sobre o tema e compartilha ideias extremistas. Como em 2018, quando o músico afirmou que “somos todos chamados de racistas agora e a palavra realmente não tem sentido”.

Mesmo sem citar o nome do cantor do The Smiths, o empresário dele, Peter Katsis, revelou irritação. O agente disparou contra o desenho na página oficial de Morrissey.

“Quando uma série se rebaixa tanto para usar táticas odiosas, como mostrar o personagem Morrissey com a barriga para fora da camisa (quando ele nunca se apresentou assim em qualquer momento de sua carreira) faz você se perguntar quem é o verdadeiro grupo racista e nocivo aqui. Pior ainda: chamar o personagem de Morrissey de racista, sem apontar nenhum caso específico não serve de nada. Isso só serve para insultar o artista. Morrissey nunca fez algo só por dinheiro, nunca processou qualquer pessoa por seus ataques, nunca parou ótimos shows no meio e ainda é um vegano sério e apoiador ferrenho dos direitos animais. Eles deveriam pegar esse espelho e olhar para eles mesmos”, afirma a declaração.

No episódio, a voz do personagem foi de Benedict Cumberbatch, o Doutor Estranho da Marvel. Veja abaixo o momento do desenho citado pelo empresário.

Orgulho de personagem polêmico

Os Simpsons se viu no meio de grande polêmica em razão do personagem Apu nos últimos anos. O criador do desenho, no entanto, defendeu o personagem, que é visto como estereótipo negativo do povo indiano.

A questão de Apu foi resolvida quando Hank Azaria, que é branco, deixou de dublar o personagem. Apesar disso tudo, Matt Groening admitiu em entrevista que tem orgulho do personagem.

“Acho as histórias de Apu fantásticas e ele é um dos personagens com mais nuances em um show bobo de desenho animado bidimensional. Então, sim, estou orgulhoso de Apu”, disse Groening.

Ele disse que até o momento os executivos por trás de Os Simpsons ainda não escolheram o novo dublador do personagem. Com isso, pode demorar até ele aparecer novamente.

Hank Azaria, que dublou o personagem, recentemente pediu desculpas pela forma como retratou Apu, demonstrando-se realmente arrependido.

Os Simpsons está no Disney+. O desenho também é exibido no canal Star.

Você quer ver essa e mais produções da Marvel, Star Wars, NatGeo e Pixar? Clique aqui para assinar o Disney+

Publicidade