“A Disney me odeia”, revela Johnny Depp

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em entrevista a GQ do Reino Unido, o ator Johnny Depp fez desabafos polêmicos. Entre eles, disse o que pensa sobre a Disney e sobre Hollywood.

Mesmo tendo protagonizado cinco filmes de Piratas do Caribe para casa do Mickey Mouse, Johnny Depp admitiu que a sua relação nunca foi boa no estúdio. A fala cria especulações de que o ator, que vive Jack Sparrow, não deve mais aparecer na franquia.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“A Disney me odeia. Eles pensavam todas as maneiras que eles podiam se livrar de mim, me demitir. ‘Oh, nós vamos ter que legendar ele. Nós não entendemos Jack Sparrow. O que há de errado com ele? O que há de errado com os braços dele? Ele está bêbado? Ele tem algum problema mental? Ele é gay?’”, disparou o ator.

Johnny Depp nega ter agredido Amber Heard, sua ex-esposa

As críticas não pararam por aí. O astro, que estará em Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald, ainda definiu Hollywood como a “p*rra de um circo perverso”. O ator citou isso ao comentar sobre os seus problemas pessoais, que geralmente viram manchetes.

“Eu podia sentir que as pessoas olhavam diferente para mim, por causa das acusações. E depois as pessoas começaram a colocar manchetes nas revistas: ‘Ele é louco. Ele precisa fazer um teste para sua sanidade’. Você sabe, coisas ridículas. Mas, a única coisa que eu podia fazer é saber o que eu ainda sei. A verdade vai vir à tona e eu estarei do lado certo”, comentou o ator.

O próximo trabalho de Johnny Depp a ser lançado é Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindewald, que chega aos cinemas no dia 15 de novembro deste ano.

Pessoas criticam Johnny Depp ser chamado de “fora da lei” em capa de revista

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio