Alan Moore, lenda das HQs e autor de Watchmen, anuncia sua aposentadoria

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Alan Moore é um dos grande ícones dos quadrinhos. O autor de Watchmen e Batman: A Piada Mortal, além de uma dezena de outros grandes clássicos da mídia, é reverenciado como um dos grandes, senão o maior, dos roteiristas de HQs.

No entanto, parece que não teremos o gênio criativo, que completa 63 anos em novembro, por perto por muito tempo. Em entrevista com o The Guardian, Moore confessou que está “cansado” da mídia e sente que já esgotou suas possibilidades nos quadrinhos. “Eu tenho mais umas 250 páginas em mim, e depois me aposento”, comentou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Eu acho que já fiz o bastante para os quadrinhos. Acho que, se fosse continuar, começaria a me repetir e criar histórias cansadas e não tão boas. Acho que tanto eu quanto o meu público merecemos melhor que isso”, disse ainda.

“Eu sei que ainda sou capaz de fazer isso, de fazer qualquer coisa que qualquer um é capaz de fazer com a mídia dos quadrinhos. Eu não preciso provar nada para mim mesmo mais. Eu sempre vou reverenciar os quadrinhos, é uma mídia incrível”, concluiu.

Moore promete não sumir das artes, no entanto, citando filmes e “livros épicos” como mídias que quer testar. Adaptado para o cinema várias vezes, Moore sempre teve uma relação conflituosa com os diretores e roteiristas que adaptaram seu trabalho.

Um dos últimos trabalhos do roteirista nas HQs será uma última edição de A Liga Extraordinária.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio