Arrested Development | Criador da série diz que continua a trabalhar com Jeffrey Tambor não foi sua decisão

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O lançamento da 5ª temporada de “Arrested Development” deveria ter sido um momento triunfante para o criador da série, Mitch Hurwitz. No entanto, isso não aconteceu. Logo antes do lançamento da 5ª temporada, a controvérsia com Jeffrey Tambor retornou. E agora, depois de tudo ser dito e feito, Hurwitz está falando sobre o que aconteceu.

Mesmo antes da fatídica entrevista ao New York Times, em que a integrante do elenco, Jessica Walter, lembrou em lágrimas do abuso verbal que recebeu no set do ator Jeffrey Tambor, havia perguntas sobre a próxima temporada de “Arrested Development”. Em uma entrevista com o Deadline, Hurwitz fala sobre o Tambor, e as múltiplas reclamações contra o ator do set de sua outra série, “Transparent”, da Amazon. Eles primeiro perguntam se Hurwitz ainda apóia o ator problemático.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Jeffrey refuta essas afirmações, a Amazon não compartilhou detalhes conosco e nunca tivemos nenhuma alegação de assédio sexual de qualquer tipo em nosso programa, um ponto que Jessica Walter também disse”, explicou Hurwitz. “Para ser claro: ao dizer isso, não estou defendendo o assédio sexual. É e deve ser uma ofensa rescindir o trabalho. Eu simplesmente não tenho nenhuma informação sobre o que aconteceu lá. Também não tenho nenhuma evidência de que ele tenha assediado sexualmente alguém nos 20 anos, de vez em quando, que trabalhei com ele. Então, certo ou errado, ficar com Jeffrey não foi realmente uma decisão que tomei. E enquanto não chega ao nível de abuso de poder que o assédio sexual faz, tornar-se um juiz moral de quem trabalha e quem não o faz sem evidência é também um abuso de poder – embora menor – que eu esperaria também não iria intencionalmente ou inadvertidamente cometer”.

A entrevista do New York Times acabou com o ator Jason Bateman tendo que pedir desculpas por defender o colega Jeffrey Tambor de acusações de assédio vindas de outra companheira de elenco, Jessica Walter, que disse que Tambor gritou com ela e a ofendeu durante as filmagens.

Jason Bateman e Will Arnett, estrelas de Arrested Development, se envolvem em acidente de carro

Arrested Development retorna à Netflix para sua quinta temporada em 29 de maio. Apesar de ser forçado a sair do Transparent da Amazon, Tambor está voltando para a última edição do revival da Netflix – e até mesmo na corrida do Emmy pela comédia.

O ator negou as alegações de assédio contra ele, dizendo em novembro passado que “nunca foi um predador” e se desculpando se suas ações foram “mal interpretadas por qualquer um como sexualmente agressivas”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio